Drenagem Linfática Queima Gordura?

A drenagem linfática é uma técnica muito utilizada na eliminação de líquidos e edemas causados principalmente, por cirurgias, gravidez, pós parto, alteração hormonal, alteração da pressão arterial e outros. Mas seus benefícios vão além do bem estar e saúde geral, trata-se de uma técnica que favorece também, a beleza da pele, o rejuvenescimento e a eliminação de medidas corporais.

Por eliminar medidas corporais, principalmente na região da cintura, bumbum, abdome, coxas pescoço e braços, muitas pessoas acreditam que esta técnica queime gordura, mas esta não é a sua função. As medidas são reduzidas por conta da eliminação de líquidos retidos no corpo.

O que são gânglios linfáticos

Os gânglios, responsáveis pela filtragem de toxinas e bactérias adquiridas pelo corpo através da alimentação. Eles trabalham de forma acelerada quando são estimulados através da técnica de drenagem linfática, e por isso liberam mais líquidos após as sessões de tratamento. Estes líquidos são eliminados através da urina e suor.

Os gânglios se localizam em áreas específicas do corpo e você pode estimulá-los em casa sempre por volta da hora do banho. As regiões do pescoço, abdome, axilas e virilhas concentram as redes de gânglios presentes no corpo.

Como potencializar os efeitos da drenagem linfática

Para potencializar os efeitos da técnica de drenagem linfática, faz bem manter hábitos saudáveis como, alimentação balanceada e exercícios físicos:

  1. Adote hábitos saudáveis: A alimentação gordurosa e condimentada fixa-se nas células que se tornam um banquete para bactérias. Lá elas se instalam e dão origem às celulites. Em caso de tratamento de celulites, cremes com ação termogênica, que tendem a auxiliar no desprendimento de gordura das células, são muito eficazes.
  2. Evite excessos: O sal, o açúcar e carboidratos em excesso, costumam favorecer a retenção de líquidos.
  3. Beba água com mais frequência: Beber mais água também auxilia na liberação de líquidos melhorando a fluidez sanguínea e linfática, além de hidratar as células. Chás, sucos e sopas contribuem para a ingestão de líquidos.
  4. Pratique exercícios físicos: As vezes o simples fato de evitarmos o elevador, ou o carro até a padaria da esquina, já melhora a circulação sanguínea.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *